Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Fundo para Infância Como deduzir as destinações por pessoas físicas?

Como deduzir as destinações por pessoas físicas?

 Como as pessoas físicas podem fazer a opção pela destinação ao Fundo?

Efetuando a destinação ao Fundo Estadual até o último dia útil do mês de dezembro de cada ano, para ser apresentado até o mês de abril do ano seguinte.

Qual o limite das doações efetuadas por pessoas físicas?

As pessoas físicas podem deduzir até 6% do Imposto de Renda Devido, apurado na declaração, antes da compensação dos valores recolhidos na fonte “Carne Leão”.

O limite de 6% do Imposto de Renda Devido é exclusivo para as doações
aos fundos para a Infância e Adolescência?

Não. Esse limite inclui também as doações e os patrocínios para projetos enquadrados com Incentivos a Atividades Audiovisuais, respeitando os limites individuais próprios. Se a pessoa física não utilizou os outros incentivos, podem destinar todo o limite para as doações ao Fundo da Infância e da Adolescência. 

Como se calcula o limite dedutível, ao fazer as doações, já que neste
momento, não se dispõe dos dados da Declaração de Ajuste Anual?

Tomando-se por base a Declaração de Ajuste Anual apresentado no exercício anterior. 

Como se calcula a redução na declaração de ajuste anual da pessoa
física?

Veja os exemplos abaixo:

DECLARAÇÃO COM IMPOSTO A RESTITUIR

 


S/DESTINAÇÃO

C/DESTINAÇÃO

IMPOSTO DE RENDA DEVIDO

7.000,00

7.000,00

DOAÇÃO AO FUNDO DE DIREITOS

-

400,00

IMPOSTO DE RENDA DEVIDO

7.000,00

6.600,00

IR/ FONTE OU CARNE LEÃO

8.000,00

8.000,00

IR A PAGAR

1.000,00

1,400,00

 


DECLARAÇÃO
COM IMPOSTO A PAGAR

 


S/DESTINAÇÃO

C/DESTINAÇÃO

IMPOSTO DE RENDA DEVIDO

7.000,00

7.000,00

DOAÇÃO AO FUNDO DE DIREITOS

-

400,00

IMPOSTO DE RENDA DEVIDO

7.000,00

6.600,00

IR/ FONTE OU CARNE LEÃO

6.500,00

6.500,00

IR A PAGAR

500,00

100,00

Ações do documento

lateral_centro-de-acolhimento

censo-dos-conselhos-municipais-dos-direitos-da-crianca.jpg

Ministério Público

ligue 100

banner_disk_denuncia

169bannerdados.png